Sem título (embora isso já seja um titulo =P)

Os argentinos, nossos “grandes amigos” de fronteira, são conhecidos por serem extremamente arrogantes e convencidos, inclusive consideram a Argentina como “um pedaço da Europa na América”. Tem até uma “historinha” sobre eles, o pai e o filho (ambos argentinos) conversando. Até que o filho diz : “Pai, quando eu crescer quero ser igual a tu”. O pai, todo feliz e emocionado, pensando que o filho tinha perguntando aquilo porque achava ele um bom pai, essas coisas do tipo, decidi perguntar : “Mas porque meu filho?”. Com certeza ele se surpreendeu com a resposta do filho : “Quero ser igual a tu para ter um filho igual a mim xD”.

O que essa “historinha” tem a ver com o assunto (e resto) do post ? Literalmente, subjetivamente e conclusivamente nada. Nada mesmo. Só coloquei ai porque ouvi isso de alguém hoje e tava a fim de fazer uma introdução um “pouco” (só um pouco) diferente.

Tá, vamos ao assunto do post. Esses dias, ….. ESPERE. Acabei de notar que a introdução até tem um pouco a ver com o assunto, mas enfim, nada que atrapalhe.

Finalmente para o assunto. Esses dias tava vi uma “tabela” falando sobre características de pessoas associadas a sua posição na família (especificamente, ser o filho(a) mais velho, do meio, mais novo ou único). Nunca confio totalmente nesses “esquemas” genéricos de personalidade, nunca servem para definir totalmente uma pessoa (a não ser que tu seja uma pessoa “genérica”) mas algumas características estão certas. Sem mais enrolações, vou escrever logo as características.

FILHO ÚNICO : Organizado, responsável, imaginativo, mimado e egoísta. Mimado e egoísta parecem fazer sentido pelo fato de ser um filho sozinho, assim como responsável e organizado mas o que o imaginativo tem a ver com a história não tenho nem idéia (se alguem souber poste um comentário me ajudando a decifrar esse “mistério” xD)

FILHO MAIS NOVO : Charmoso (no sentido de personalidade), afetuoso (ou algo do tipo), relaxado, preguiçoso e manipulador. O relaxado e preguiçoso da pra entender pelo fato de sempre terem alguém pra fazer as coisas pra eles, assim como o charmoso e o afetuoso se explicam pelo fato de serem os últimos a nascer. Mas como sempre,não sei o que tem a ver o manipulador…

FILHO DO MEIO : Independente, competitivo, ciumento, temperamental (nao sei se é bem essa palavra, mas tem a ver com mudor de humor muito facilmente) e sociavel. O independente competitivo e ciumento tem a ver com a necessidade de sempre “competir” com os irmãos, assim como o sociavel tem a ver com o fato de sempre conviverem com alguem (tanto irmaos mais novos como mais velhos). Mais uma vez, como sempre, não entendo o porque exato do temperamental, mas ta valendo…

FILHO MAIS VELHO : Auto-confiante, ambicioso, responsável, autoritário ou mandão (não sei exatamente a palavra, mas tem a ver com gostar de mandar) e agressivo. Esses também tem motivo para serem, auto-confiantes acho que não é uma característica geral, acho algo mais pessoal (embora comigo (que sou o mais velho) funcione muito bem). Responsável e autoritário tem a ver com o fato de, por serem os mais velhos, sempre “mandaram” nos mais novos e foram responsáveis (??) pelos mesmo. Como sempre tem um mistério, não entendi o porque do agressivo – tirando agressivo com o mais novo, mas isso vou comentar daqui a pouco.

Fazendo uma analise mais “profunda” dessa caracteristicas, da pra tirar algumas verdades incontestionaveis sobre isso. Pode parecer preconceito ou qualquer coisa do tipo, mas como sou o mais velho e só tenho um irmão (que por acaso é o mais novo) só posso falar dessa “relação” porque não tenho experiência com outras.
Obs : Os mais novos vão tentar desmintir as verdades (tirando uma delas) mas não acredite neles, é tudo intriga da oposição…

VERDADES :

1.Todos os mais velhos, tirando casos especiais, como por exemplo diferença de idade muito grande, batem nos mais novos (essa os mais novos não vão tentar desmintir).

2. Porém, nem por isso, os mais velhos são agressivos ou violentos ou pessoas “do mal”. A culpa sempre é dos mais novos, que sempre provocaram tal agressão. Ainda não foi provado “cientificamente” mas é fato que os mais novos já nascem “programados” para incomodarem os mais velhos, mesmo que nunca incomodem ninguém, sua personalidade “magicamente” muda nesses casos. Portanto, a culpa é sempre dos mais novos…

3. Outra verdade quase absoluta é que, em geral, numa discussão, os pais tendem a, em 90 % dos casos (ou até mais) a acreditar no que fala o mais velho e não no que fala o mais novo (que geralmente está mentindo).Pode parece preconceito, mas em 95 % dos casos quem fala a verdade mesmo são os mais velhos. Portanto, nada de preconceito, é só uma coisa natural…

Poderia ficar continuando falando mais sobre as verdades, mas acho que todos vocês entenderam e concordaram (mesmo que sejam os mais novos e discordem – inconscientemente concordam com o que está escrito (esse com o que está escrito parece que estou me referindo a Biblia – mas não estou, fala do post))

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: